sábado, 27 de abril de 2013

Não me apetece escrever contraditoriamente ao que estou a fazer neste exacto momento. É quase uma obrigação ter de estipular frases bem ditas e escritas para o restante mundo (que não o meu) entenda o que quero realmente dizer... Mas o mais estranho nisto tudo é nem ter uma ideia, por mais pequenina que seja, do que quero dizer. Talvez seja arrogante da minha parte estar a escrever quando nem estou inspirada nem com vontade de exprimir seja o que for... Talvez nem seja a falta de vontade de escrever mas sim a falta de algo que me inspire para a escrita... Talvez um dia encontre de novo o rumo do vento que perdi o alcance...

Sem comentários: