terça-feira, 19 de abril de 2011

Saudade



Algo que corrói por dentro e deixa marcas por fora. Sentimento crítico que faz sentir incapaz de seguir em frente sem algo em pensamento. 
Pensamento este que perturba sem qualquer obstáculo para derrotar a felicidade.
Faz sentir impotente algo tão forte e poderoso, mostra-lhe que pode ou não valer a pena expressá-la.
É louca e não tem medo de apoderar-se e só pára depois de ser consumida. Consumida por algo mais desesperante e súbito que ela, algo que faz sentir completo e voraz.
Insaciável este sentimento que consegue destruir tudo á sua volta com um simples desejo.
Desejo que não tem explicação, é incompreensível e confuso.
Que espezinha o ser e deixa marcas permanentes, marcas que recordarão sempre com mágoa de não poder vivê-las de novo.
Palavras, memórias e promessas lançadas ao vento,  impossíveis de serem alcançadas.


Despreza o presente e idolatra o passado.